domingo, março 11, 2007

Frigopoemas


Estes são exemplos de "poemas magnéticos", criados desde este site. Trata-se dum jogo consistente em um conjunto de palavras impressas sobre magnetos que podem combinar-se para compor um poema que depois pode adornar a geleira da casa ou outra superfície metálica.

É uma boa ferramenta de trabalho para usar em ateliers literários e aulas de língua e literatura ou idiomas com alunos novos. (Fizemos uma pesquisa na rede, mas não foi possível achar edição portuguesa. Estariamos muito obrigados a qualquer pessoa que pudesse fornecer informações sobre a sua existência.)

Há já uns anos, em Londres, comprámos o "Spanish kit" deste jogo de possibilidades tão atractivas e cativantes, e ontem encontrámos numa loja uma versão espanhola. Há mais informação sobre ela
aqui. Ambos sites contêm amostras de poesia alegadamente elaborada com o jogo, embora a qualidade das poesias em espanhol não seja alta e, na maioria dos casos resulte evidente que os autores não usaram o jogo aleatoriamente para depois corrigir, senão que escreveram os seus textos de forma deliberada, perdendo desse jeito frescura e capacidade de surpresa.

A ideia original nasceu nos Estados Unidos, como um médio de superar um bloqueio de escritor. Num idioma como o espanhol, com tantas desinências verbais e sufixos de todo tipo, resulta um pouco mais difícil quedar plenamente satisfeito dos resultados finais, mas paga a pena tentá-lo. O simulador do site americano funciona realmente bem e permite provar de maneira muito realista.

À poesia através do jogo...

Saúde!

Etiquetas: ,

|

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

adopta tu também uma mascote virtual!