sexta-feira, dezembro 15, 2006

Orphans, de Tom Waits


Depois do Modern Times de Dylan, publica-se outro dos discos do ano. Genialidade e creatividade a jacto. Surpreendente que um artista seja capaz de manter semelhante nível de qualidade durante tanto tempo e com a generosidade de Tom Waits. Trás pôr no mercado três discos num curto espaço de tempo (Alice, Blood Money, Real Gone), agora publica 56 canções para desfrute dos seus seguidores.

Etiquetas:

|

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

adopta tu também uma mascote virtual!