terça-feira, novembro 07, 2006

Valverde de Júcar, Cuenca

Há uns dias, um camião ultrapassou o autocarro no que me encontrava. No toldo do camião podia ler-se: "Valverde de Júcar, donde nadie es extraño". Imediatamente, duvidei: ninguém é estranho, porque todos o são? Será Valverde de Júcar, Cuenca, o Cicely espanhol? Será lá onde se filmou "Amanece, que no es poco"? Haverá que investigá-lo...

Etiquetas: ,

|

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

adopta tu também uma mascote virtual!